fernandosoares_17-03-2020

Edições anteriores

Fotos: Gabriel Santos

Os empresários Fernando e Neca Bumlai, da faculdade Insted, que ontem suspenderam a aula magna da pós-graduação em Direito do Trabalho, Processual do Trabalho e Previdenciário, com o ministro do TST, Douglas Alencar Rodrigues, sem data para recomeçar

 

O empresário Sinval Martins e o presidente da Academia de Letras de MS, Henrique Medeiros

 

O eterno diretor do TCE, Alexandre Brandes, e o advogado Vladimir Rossi

 

O engenheiro e arquiteto Luiz Alberto Sayd, a namorada, Catarina Carvalho, e a psicanalista Mary Sayd

 

O vocalista do Grupo Acaba, engenheiro Moacir Lacerda, Jota Paulo Vilalba e o comerciante José Hindo

 

O auditor da Receita Federal, Antônio Campos, Nelson Fonseca e Antônio Fonseca

 

Ledir Marques Pedrosa, Ireno Oshiro e Lygia Beatriz Abdala

 

TRABALHISMO

O PDT da Cidade Morena troca de comando. Sai o advogado Yves Droghisc e assume o ativista comunitário Wilson Fernandes, personalidade histórica do partido. O trabalhismo ganha com a investidura de um militante de reconhecida credibilidade nos movimentos populares e democráticos do Estado.

 

SESSÃO RECARREGO

Para recarregar as baterias quanto está em Sampa, o elétrico Alci Costa Leite vai a um recanto que considera dos mais especiais: o aprazível Parque Trianon.

 

SEM AGENDA

A epidemia do Covid19 começa a esvaziar diversos ambientes e suspendendo diversos eventos em Mato Grosso do Sul. O presidente da Assembleia Legislativa, tomou várias medidas, entre as quais a restrição do acesso de visitantes à Casa e procedimentos reforçados de higienização. Por sua vez, o Sindicato dos Jornalistas (Sindjor-MS) cancelou iniciativas pré-agendadas para março, entre as quais uma roda de conversas sobre mulher e jornalismo. Eduardo Maluf também cancelou o show de Gusttavo Lima.

 

MUITO BEM!

A pandemia também está forçando os empresários da fronteira a fecharem as portas. Ontem, o Shopping China e a Planet Outlet suspenderam as atividades por tempo indeterminado, afirmando que tal medida é para proteger a saúde de funcionários e clientes.

 

ARQUIVO

A onda de comentários sobre queima de arquivos lança no ambiente suspeitas sobre a gota d´água do infarto fulminante que tirou a vida do ex-secretário-geral da Presidência da República, Gustavo Bebiano. Ele tinha 56 anos e queria candidatar-se a prefeito do Rio de Janeiro. Era dirigente do PSL e um dos principais colaboradores de Jair Bolsonaro, de quem coordenou a vitoriosa campanha. No ministério, não durou dois meses e foi derrubado por influência dos filhos do presidente, de quem prometeu se vingar. Teria deixado com alguns amigos um dossiê contendo revelações bombásticas sobre tramas do capitão antes, durante e depois das eleições, fatos dos quais participou ou teve conhecimento.

 

PERDAS

O final de semana foi de muitas lágrimas na Capital. Um infarto derrubou Elias el Daher, o Turqunho, e um câncer na laringe tirou a vida do pecuarista Jacintho Honório da Silva Neto, o Jacinthinho. Ambos desfrutavam de grandes e festivos círculos de amizades.

 

HOMENAGEM

Fundador da Hípica do Círculo Militar, sobrevivente de um câncer, da extração de um rim e cirurgias complexas do intestino e da próstata, o nonagenário capitão Pérsio Vargas da Rosa teve seu nome adotado para batizar a pista de cross country no quartel do 10º RecMec Antonio João, de Bela Vista, unidade em que serviu e comandou. Mais um título honorífico para a galeria desse bela-vistense, que em 2013, por indicação do deputado Cabo Almi, havia sido agraciado com a Medalha Guararapes, da Assembleia Legislativa.

 

LOGO AGORA

A imediata revogação da Emenda Constitucional 95/2016 é a reivindicação que o Conselho Nacional de Saúde vem reforçando em todo o País, em dias de coronavírus. A emenda retira verbas do Sistema Único de Saúde (SUS), congelando investimentos, até 2036. O prejuízo do sistema já chega a R$ 20 bilhões.

 

NO AR

O antenado jornalista Arhur Mário Hora, em seu programa líder de horário na FM 92,3, entrevistou o senador Nelsinho Trad (PSD/MS), que está de quarentena em Brasília. Ele falou, entre outros assuntos, sobre a contaminação com o Covid19 e os cuidados que seu olhar de médico recomendam à população.

 

LONGEVOS

José Pinheiro Tolentino completou 90 anos, na sexta-feira, 13, cercado pelos familiares, amigos e admiradores. Um dos convivas, o engenheiro e ex-vereador Fausto Matto Grosso, foi levar seu abraço ao fundador, diretor e analista político do extinto semanário impresso Jornal da Cidade. E adorou o bom-humor do aniversariante, que o convidou, com 10 anos de antecedência, para a comemoração do seu centenário.

 

INCÓGNITA

No Parque dos Poderes, dúvidas sobre os passos futuros do jornalista Bosco Martins. Os amigos se dividem. Uns garantem que ele não desistiu de candidatar-se a prefeito de Bonito, este ano ou em 2024. Outros afirmam que ele não tem o aval do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), que deseja conservá-lo presidindo a Fertel (Fundação Luiz Chagas), com ótimos resultados na Rádio e TV Educativa.

 

PENSAMENTO DO DIA

“Procure ser uma pessoa de valor, em vez de procurar ser uma pessoa de sucesso. O sucesso é consequência”.

 

NA LEMBRANÇA

No dia 17 de março de 1921, em Recife, nasceu o inesquecível jornalista, cronista, compositor e boêmio Antonio Maria. De vida curtíssima (morreu aos 43 anos, de infarto, ao sair de um bar em Copacabana), ele escreveu textos históricos sobre a vida cotidiana e os amores perdidos e compôs músicas como Valsa de uma Cidade (Vento do mar e o meu rosto no sol a queimar, queimar/ Calçada cheia de gente a passar e a me ver passar/ Rio de Janeiro, gosto de você/ Gosto de quem gosta/ Deste céu, deste mar, desta gente feliz). Mas uma frase em especial dele, dita quando de sua prisão pela ditadura, merece destaque. Na ocasião, os agentes da repressão pisotearam suas mãos. Ele apenas afirmou: "Que bobos! Eles pensam que eu escrevo com as mãos". Genial...