fernandosoares_04-09-2018

Edições anteriores

Fotos: Gabriel Santos

Os desembargadores, Luiz Cláudio Bonassini e Luiz Gonzaga

 

O estilista João Camargo e a empresária Nayara Barbosa, da Vis a Vis, que hoje representa a Alfaiataria Camargo, em Campo Grande

 

O presidente do Tribunal de Justiça de MS, desembargador Divoncir Maran, o procurador-geral de Justiça, Paulo Passos, e o prefeito da Capital, Marquinhos Trad

 

Os publicitários, Rodrigo Perez e Rafael Amaral

 

Daisy Souza e o presidente do TRT, João de Deus

 

O gerente regional da Casas Bahia, Aquiles Neves, e a esposa, Eliane

 

A chef de cozinha, Camila Brito, e o marido, diretor financeiro da Unimed, médico Maurício Simões Corrêa

 

FAROESTE
Durma-se com um barulho destes. Depois que Bolsonaro disse o que "torna uma mulher forte, é uma arma na cintura", já imagino os modelitos de arma que, caso este sujeito vença, serão expostos nas vitrines das boutiques chiques. Só pode ser piada. Valha-me, Deus!!!
 

DEFINIÇÃO FEMININA
Valéria Mont Serrat, que diz não votar em Lula e não admite, em hipótese alguma, o voto em Jair Bolsonaro, lembra: todas as pesquisas indicam que a maioria dos brasileiros vota em candidatos de centro e de esquerda. E completa, atenta aos números: as mulheres, que constituem 52,5% dos 147,3 milhões de eleitores, são a principal barreira ao voto bolsonarista, pois apenas 13% delas sufragariam seu nome e 43% nunca o fariam.


PÁGINAS
O livro "O Avião Invisível”, da escritora Raquel Naveira, publicado pela Editora Íbis Libris (RJ), recebeu o primeiro lugar na categoria “Cronica” do prêmio Alejandro Cabassa 2018, promovido pela União Brasileira dos Escritores.
 

PULSAR ÁRABE
E não podia faltar no aniversário de Campo Grande uma ambientação cultural e social para retratar os laços de amizade e a contribuição árabe com o desenvolvimento da cidade. Com empenho admirável da professora de dança e empresária Nidal Abdul, a Praça do Rádio Clube abriu setembro com o I Festival Árabe. Programa imperdível. Pudera: entre as atrações, um dos mais celebrados representantes da música do Oriente Médio, George Mouzayek, além de Raulf Jemeni, Faiano Ponci e Mohamed Azra, mais o Grupo de Dança Litani, que festeja 12 anos. No próximo dia 29, outra atração para ser aplaudida ao máximo: o cantor sírio Tony Mouzayek e banda, da trilha sonora da novela "O Clone".
 

FESTIVAL
De seis a oito deste mês, as tribos culturetes têm encontro marcado no Festival de Blues e Jazz de Bonito. Mais uma iniciativa com carimbo de Carlos Porto e Afonso Rodrigues Jr.
 

BELEZAS
O estilista Claudinei Aquino distribuindo todo otimismo possível para o feriado de sete de setembro, quando vai acontecer o Miss MS Terra, no Shopping Bosque dos Ipês. Com 14 candidatas do interior e uma da capital, o concurso é a etapa regional do Miss Brasil Terra 2018, marcado para o Paraná, em outubro. A vencedora nacional vai disputar a etapa internacional, o Miss Earth, que tem 17 anos de existência, e é lincado nos temas ecológicos e coopera com o Unep (Departamento Ambiental das Nações Unidas). Isabella Sanches representa Campo Grande na competição.
 

MORTE ANUNCIADA
Arqueólogo e graduado em História, figurando entre os mais renomados no Brasil e no mundo, Cláudio Prado de Mello há tempos vinha alertando sobre os sérios riscos que ameaçavam a já combalida integridade física do Museu Nacional, na Quinta da Boa Vista (RJ). Estava coberto de razão o arqueólogo. O prédio foi devorado pelo fogo no domingo. Calcula-se que, do acervo de cerca de 20 milhões de peças, apenas cinco milhões teriam sido preservadas. Contudo, quaisquer conclusões somente poderão ser definidas, mais concretamente, dentro de alguns dias. Criado por Dom João VI, há 200 anos, é a mais antiga instituição científica brasileira e o mais antigo museu do País. Na hora do incêndio, os hidrantes do prédio estavam desabastecidos.
 

CONFERE O ACESSO
Numa das habituais esticadas das poucas horas de folga, o empresário e produtor rural Luiz Carlos Ferreira Gomes foi checar - e gostou - a construção de uma das pontes que dá acesso à sua Fazenda Campo Lourdes. Detalhe: não é obra pública, é benfeitoria que os proprietários da região estão bancando do próprio bolso.
 

PRA ARREBENTAR!
O titular da coluna ainda não está autorizado a dar nomes, mas já sabe que a II Mostra Literária de Mato Grosso do Sul, criada e produzida por Dalila Saldanha, vai trazer para Campo Grande personalidades de expressão no melhor circuito das artes nacionais e internacionais. A dinâmica e agitadíssima Baiana e seu amado Geraldo Espíndola sabem como construir cenários de afirmação artística e cultural para os sul-mato-grossenses.
 

PERDAS
Campo Grande e o Estado choram o passamento do engenheiro e ex-vereador Frederico Valente, que também presidiu a Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul, comandou a Sudeco e ocupou cargos ministeriais de destaque.
 

PERDAS (II)
Trágica e revoltante a agressão brutal que tirou a vida de Maria Ildonei de Lima Pedra, de 70 anos, uma das mais respeitadas professoras e ativistas sindicais do Magistério, em Mato Grosso do Sul. Ela foi assassinada dentro da própria residência.


PENSAMENTO DO DIA
“Perdoe, não guarde rancor e nem deseje vingança. A vida é justa e ninguém vai embora sem pagar a dívida”.
 

NA LEMBRANÇA
O ex-senador Antonio Carlos Magalhães completaria, hoje, 91 anos. Falecido no dia 20 de julho de 2007, ele teve uma trajetória marcante na política nacional, sempre a partir de sua Bahia natal. Foi líder estudantil, deputado estadual, três vezes deputado federal, governador da Bahia em três oportunidades (de 1971 a 1975, de 1979 a 1983 e de 1991 a 1994), ministro das Comunicações e senador em duas ocasiões (1995-2001 e a partir de 2003). ACM tinha uma ligação visceral com a ditadura que governou o País, que o indicou para o primeiro mandato no governo baiano, como pode ser constatado nesta frase: "Os problemas surgidos durante o regime militar foram poucos em relação ao muito que foi feito".