fernandosoares_03-03-2018

Edições anteriores

BOLA DA VEZ NO PRB

 

 

Fotos: Gabriel Santos

O momento político é tentar arrastar o máximo de lideranças que puderem para formar alianças fortes. Assim pensam os candidatos ao governo Reinaldo Azambuja, Odilon de Oliveira e André Puccinelli. Na noite em que o senador Pedro Chaves dos Santos Filho se filiou ao PRB, um partido que tem um bom quadro de filiados, sendo boa parte deles evangélicos e no qual pretende disputar a própria vaga de senador nas eleições vindouras. Muita gente não entendeu ao ver, no mesmo palanque, o governador Reinaldo Azambuja e Odilon de Oliveira. É que ambos lá estavam em busca de conseguir o apoio do senador Pedro Chaves. Pedro, que nunca teve experiência nas urnas, pois assumiu o mandato em virtude da cassação de Delcidio do Amaral, é hoje um dos nomes mais cotados para qualquer cargo eletivo, pela posição empresarial que possui e por ser, na atualidade, considerado o político mais ficha limpa em atividade. De senador a vice-governador, propostas não param de chegar de diferentes partidos que o assediam para a próxima eleição. Pedro tem ainda até 6 de abril para definir a quem vai acompanhar. Enquanto isso não acontece, ele vai brilhando em todas as siglas partidárias que o procuram. Depois que definir com quem fica, como dizem os políticos mais

 

O senador Pedro Chaves dos Santos Filho e o juiz federal aposentado Odilon de Oliveira

 

O empresário Jamilson Name e o vereador da Capital, Ademir Santana

 

Márcio Iunes, o vereador Manoel Rodrigues e o prefeito de Corumbá, Marcelo Iunes

 

O delegado aposentado Silvano Mota e a esposa, presidente da Adepol, Regina Márcia Rodrigues Mota

 

O senador Pedro Chaves e o governador Reinaldo Azamuja

 

 

experientes: “o pau tora entre eles”. Como dizia o primeiro ministro do reino Unido, Winston Churchill: “A política é quase tão excitante como a guerra e não menos perigosa. Na guerra a pessoa só pode ser morta uma vez, mas na política, diversas vezes”. Confira alguns flashes...

 

O secretário de Saúde do Estado, Carlos Coimbra, e secretário de governo, Eduardo Riedel

 

O cerimonialista Salvador Dódero e o ambientalista Ângelo Rabelo

 

Stella Lopes Santos e o marido, empresário, Paulo Santos

 

Mércia Antonelli, Tereza Name e Rosana Dalmaso

 

 

 

DECEPÇÃO
O chamado do presidente Michel Temer aos governadores, para resolver o problema da Segurança Pública no País, frustrou os gestores estaduais. Ao invés do presidente anunciar recursos do orçamento, ele anunciou empréstimo com o BNDES para quem quiser reequipar as polícias. Os governadores que participaram saíram decepcionados com a proposta, uma vez que a maioria dos seus governos está sem capacidade de fazer novo endividamento.
 

URNAS
 Um balde de água fria na cabeça de quem não acreditava na volta de André Puccinelli (MDB) ao governo. Ele é candidatíssimo e tem dito que, dos secretários que já fizeram parte do seu último governo, somente Tânia Garib, Thie Higuchi, Carlos Alberto Negreiros Said Menezes e Wantuir Jacini são cotados para retornar aos cargos. Os restantes, que fizeram parte da gestão anterior, se eleitos, passarão longe de seu governo.

 

TOGA
Alegria, alegria, para o desembargador João Maria Lós, que acaba de ser empossado em Maceió, AL, durante o 113º Encontro do Conselho dos Tribunais de Justiça, como o mais novo membro da Diretoria Executiva.
 

AMPLEXOS
O abraço do professor Eronildo Barbosa da Silva em Odilon de Oliveira, durante o ato de filiação de Pedro Chaves ao PRB, e a efusiva manifestação pelo aniversário do pré-candidato do PDT ao Governo, estão sendo traduzidos como sinalização de apoio à candidatura do juiz federal aposentado. Como se sabe, Eronildo é destacado integrante do corpo de assessores do senador Chaves.
 

NAS ESTANTES
Leila Regenold saltitante de alegria. É que os leitores de Campo Grande já podem adquirir na cidade o badalado “Liderança Feminina em Ação”. A descolada é uma das autoras dos vários textos do livro que conta belas histórias de mulheres que se destacam em protagonismos de liderança e empreendedorismo no Brasil.

 

ENFIM, NANCY!
Abril vem aí e com ele o imperdível Ballet Folklorico de Asunción, tendo à frente sua diretora e coreógrafa Nancy Cristaldo Salinas. O Festival Sul-Americano de Folclore será realizado em Campo Grande, de 26 a 30 de abril, com apoio do Fundo de Investimentos Culturais (FIC).
 

CARICATURA
Ativíssima no Instagram, Madonna não cansa de demonstrar carinho pelo Brasil, em sua conta. Fora os vídeos fofos de suas filhas dançando funk brasileiro, a cantora novamente mostrou-se admirada pela arte do nosso País. A eterna rainha do pop homenageou o grafite brasileiro ao postar um desenho seu feito por ninguém menos que Os Gêmeos, irmãos gêmeos grafiteiros, de São Paulo. Adoramos!
 

PRESTÍGIO
Merecidamente incensado o mestre Samuel Medeiros, no concorrido lançamento de “Informações (I) Relevantes”, seu quinto livro. A nata do universo cultural tomou conta do Instituto Histórico e Geográfico de Mato Grosso do Sul, para abraçá-lo.
 

VINHOS E SERESTA
Sílvio Lobo Filho e Marlene navegando no mar prazeroso de seus 31 anos de união conjugal. O benquisto casal da sociedade, excelentes seresteiros e protagonistas culturais, no alvo de incontáveis felicitações.
 

NA FITA
Mais um nome de Mato Grosso do Sul está na conta de intenções políticas para ser indicado a posição de relevância nacional. Seria a confirmação de um entendimento bombástico que vem sendo tentado nos bastidores do Parque dos Poderes e Palácio do Planalto.
 

NA LEMBRANÇA
 Esta coluna adora Alexander Graham Bell, por conta de seu maior invento, o telefone. O escocês, que nasceu em 3 de março de 1847, em Edinburgo, também criou o detector de metais e aperfeiçoou o fonógrafo criado por Thomas Alva Edison. Fica, para encerrar a coluna, esta frase dele: "Nunca ande por um caminho traçado, pois ele conduz até onde os outros foram."