fernandosoares_10-04-2018

Edições anteriores

MOMENTO MÉRITO JORNALÍSTICO

 

 

Fotos: Gabriel Santos

“O jornalismo é, antes de tudo e sobretudo, a prática diária da inteligência e o exercício cotidiano do caráter”. É assim que defini a homenagem que recebi na sexta-feira, na Assembleia Legislativa, em homenagem entregue pelo deputado estadual e corregedor, Maurício Picarrelli, com a Medalha do Mérito Jornalístico “José Barbosa Rodrigues”, pela profissão que exerço há exatos 28 anos. O jornalista, que além de exercer cotidianamente seu caráter, também tem uma obrigação diária com a população, em reportar fatos relevantes de maneira ética e imparcial, levando em conta única e exclusivamente o bem público. A profissão é considerada uma das mais antigas de todos os tempos, como exemplo, o Acta Diurna, espécie de jornal escrito em grandes placas brancas que expunham fatos sociais e políticos ocorridos no império de Júlio César, por volta de 69 a.C.

 

O titular da coluna e o deputado estadual Maurício Picarelli

 

O deputado estadual Barbosinha e o jornalista Joel Silva

 

Vivian e o jornalista Fabiano Arruda

 

O jornalista Otávio Inácio Vieira Neto e o deputado Amarildo Cruz

 

Os jornalistas, Carlos Voges e a esposa, Karine Cortez

 

O jornalista Manoel Afonso e o chefe de Gabinete da deputada Mara Caseiro, Clóvis Motta

 

A profissão atravessou séculos e todo dia 7 de abril é celebrada no Brasil, no Dia Nacional do Jornalista. Data estabelecida para homenagear os profissionais, que ajudaram a lutar pelo fim da monarquia portuguesa e Independência do Brasil.

 

E nessa data, os deputados da Assembleia Legislativa do nosso Estado reconheceram os trabalhos dos jornalistas Alexandre Fraga, Antônio João Hugo Rodrigues, Lucimar Couto, Otávio Inácio Vieira Neto, Adilson Trindade, Fausto Brites, Carlos Voges, Benedito de Paula Filho, Diana Gaúna, Valfrido Silva, Fabiano Arruda, Ademir Batista de Oliveira, Manoel Afonso, Joel Silva, Cláudia Gaigher e Henrique Xavier, como profissionais responsáveis que ajudam a perpetuar os acontecimentos na história de Mato Grosso do Sul, com suas informações. Mais uma vez, agradeço a honraria que me fez muito feliz.

 

Os jornalistas, Fausto Brites, Alex Fraga e o titular da coluna

 

O jornalista Benedito de Paula e a filha, jornalista, Ana Rita de Paula

 

O jornalista Lucimar Couto e a esposa, Silvana

 

O jornalista Henrique Xavier e o deputado Rinaldo Modesto

 

O deputado Barbosinha e o jornalista Adilson Trindade

 

A jornalista Diana Gaúna e o deputado estadual Enelvo Felini

 

 

 

Os jornalistas homenageados na grande noite pelos deputados estaduais

 

 

 

REVOLTA EM BONITO
A população e autoridades representativas de Bonito estão chateadas e furiosas com o impacto negativo provocado por comentários desastrosos, que o apresentador de programa televisivo de Campo Grande anda fazendo sobre a cidade. Imaginem que ele utiliza as redes sociais para sugerir que interessados em visitar Bonito mudem de rota, por causa dos preços, afirmando que são muito elevados os custos de visitas a lugares de rara beleza natural e à aquisição de itens de consumo, no comércio de produtos regionais. A reclamação bonitense chega ao governador Reinaldo Azambuja, que em 2015 designou o apresentador Jota Abussafi para ser o Embaixador Honorário do Turismo de Mato Grosso do Sul. É um título simbólico, de vitrine, sem valor jurídico.


FÔLEGO
Balanço do primeiro trimestre de 2018, do Ministério Público de Mato Grosso do Sul, até ontem: nesse período, a instituição havia ajuizado 794 ações, oferecido 6.843 denúncias, despachado 87.671 manifestações de 1º Grau e 5.794 de 2º Grau, além de 49 interposições de recursos junto aos tribunais superiores da alçada criminal. Vale observar que o MPE-MS está na segunda gestão consecutiva do procurador-geral de Justiça, Paulo Cezar dos Passos.
 

ENTRA E SAI
Enquanto o promotor de Justiça, Sérgio Harfouche, entra no PSC querendo ser candidato ao Senado, o secretário estadual de Administração, Carlos Alberto Assis, decide continuar no cargo e abandona a ideia de concorrer à Assembleia Legislativa. Pode ser um adiamento. Mas 2020 e as eleições municipais vêm vindo aí.

 

PINTANDO O SETE
Muita atenção para o Projeto “Pintando o 7 nas Escolas”, do artista Carlos Vera. Atualmente, 14 estabelecimentos da Rede Municipal de Ensino de Campo Grande estão vivendo as experiências únicas dessa elogiável iniciativa, que tem o lastro do Fundo de Investimentos Culturais (FIC). Cada artista é responsável por oficinas de arte em duas escolas, para cinco alunos de cada, gratuitamente.

 

PODER FEMININO
Maritza Cogo no trecho, feliz da vida por ser escolhida pelo prefeito Marquinhos Trad para a Subsecretaria de Políticas para a Mulher. Ela diz que vai honrar a confiança do prefeito e o compromisso de atuar em defesa e garantia dos direitos da mulher, com a promoção das ações de autonomia financeira e geração de renda.
 

PARABÉNS, NICOLE!
Na sexta-feira, 6, os papais, Rodrigo Thomaz Caballero Moraes e Lila Ferreira da Rocha Caballero Moraes, deram à filha, Nicole, uma bela e vibrante festa pelo aniversário de 3 aninhos. Os avós, Edson Moraes, Suely e Adenaide disputaram corujices no belo espaço da Toys, com muitos brinquedos, brincadeiras e guloseimas.
 

MENSAGEM
"Cuidado com os laços que você cria... Eles podem te enforcar.” Que Jesus, Nossa Senhora e os Espíritos de Luz abençoem nossa terça-feira.
 

NA LEMBRANÇA
O paleontólogo, teólogo, filósofo e jesuíta Pierre Teilhard de Chardin morreu em 10 de abril de 1955, em Nova York. Francês de nascimento, tinha 74 anos e, graças à sua teoria evolucionista, conseguiu romper as fronteiras entre a ciência e a fé. Mas esta coluna prefere destacar esta sua frase de cunho humanista: "Não é de tête-à-tête, nem de corpo a corpo, é de coração a coração que temos necessidade".