fernandosoares_07-04-2018

Edições anteriores

Fotos: Gabriel Santos

A empresária Regina Torres e sua irmã, Fátima Torres

 

A bioquímica e proprietária do laboratório Oswaldo Cruz, em Campo Grande, Anamélia Xavier, e o marido, dentista, Mário Xavier

 

A escritora Raquel Naveira e a empresária Reni dos Santos

 

O advogado e desembargador, aposentado, Joenildo de Souza Chaves e o presidente da Academia de Letras de MS, Henrique Medeiros

 

O empresário Beto Tavares e o ex-prefeito Nelsinho Trad

 

O diretor-geral da Polícia Civil, delegado Marcelo Vargas, e comandante-geral da Polícia Militar, cel. Waldir Acosta

 

O escritor Geraldo Ramon Pereira e a advogada Wanda Gonzales

 

Divulgação

Ontem, na posse da governadora do Paraná, Cida Borghetti, a primeira mulher a governar o estado, esposa do ex-ministro da Saúde, Ricardo Barros, um clic das personalidades presentes, como o advogado Gustavo Salles e o empresário Jaime Vallér, os advogados Celso Higert e Nelson Sguarezi e o juiz de Direito do Paraná, Evandro Portugal

 

DIA DO JORNALISTA
Ontem, foi um dia muito especial para mim. Às 19 horas, no Plenário Júlio Maia, na Assembleia Legislativa, com a presença de políticos, autoridades, personalidades e jornalistas, recebi a Medalha do Mérito Jornalístico “José Barbosa Rodrigues”, pela minha carreira no jornalismo sul-mato-grossense. Na entrega, feita pelo deputado Maurício Picarelli, ao lado do presidente da Assembleia, Júnior Mochi, foram lembrados, rapidamente, os meus trabalhos nas revistas Caras, nos jornais Primeira Hora e Diário do Pantanal, além dos jornais A Crítica, O Estado e Midiamax, onde estou. Agradeço a honraria que me fez muito feliz.
 

DIA DO JORNALISTA II
Hoje, é Dia do Jornalista. Parabéns para todos nós. Merecemos abraços, beijos e carinhos. Parabéns a todos os meus colegas, homens e mulheres, principalmente aqueles que, em tempos difíceis, sem as internets da vida, enfrentamos os lugares mais distantes do planeta na procura das noticias. Não tínhamos mordomias, nem altos salários, mas jogávamos a alma e o coração no que fazíamos. E a alegria maior era ver as pessoas lendo o que escrevíamos, vendo o inacreditável que mostrávamos e, não raras vezes, usando as reportagens em trabalhos escolares, universitários, palestras e citações em livros. Quantas belezas, quantas tristezas nossos olhos viram. Quantos perigos... Quantas malárias e outras doenças meus colegas pegaram em busca da noticia, quantos amores e quantos desamores viveram, por causa da profissão. Mas garanto que valeu a pena. Por causa dela, conheci o planeta terra em suas mais variadas versões, dos sertões às florestas, das vilas às grandes capitais do mundo, das aldeias indígenas aos dourados e milenares palácios. Só tenho a agradecer, faria tudo de novo, e não me arrependo, em momento algum de, diante de propostas de cargos com altos salários, conseguidos por intermédio dos famosos “Trens da Alegria”, de tempos passados, ter recusado, e nem me arrependo de, por causa do meu gesto, ter que continuar trabalhando o resto dos meus dias, não mais naquele tipo de jornalismo, de reportagem, mas naquilo que o tempo, a idade e as oportunidades me permitem. Sou jornalista de corpo e alma. No dia de hoje, vou rezar para duas pessoas que foram importantes para minha caminhada profissional e que hoje, espírito de luz, percorrem outros caminhos na linha evolutiva do universo... Célia Câmara, minha mestre, e a jornalista Vera Martins, que me ensinou no inicio da minha carreira, o que valeria a pena num bom jornalismo. Aos meus amigos, profissionais que me acompanham no dia a dia, Gabriel Santos que faz cada registro da coluna, o que já me valeu muitos prêmios e ao respeitado colaborador, jornalista Edson Moraes. Seremos jornalistas para sempre. Que Jesus, Nossa Senhora e os espíritos iluminados abençoem nosso sábado.


NOTA TRISTE
Doloroso e comovente o quadro de João Gilberto. Um dos compositores mais notáveis da música mundial está sentindo o peso implacável do tempo e dos desgastes físicos. Com a saúde muito abalada, perdendo a noção da realidade, trancou-se em seu apartamento há dias, recusando-se a abri-lo ou a atender qualquer pessoa. A pedido da família, a Justiça do Rio de Janeiro determinou o arrombamento do imóvel, como medida de proteção à sua saúde e para que seja conduzido à adequada assistência médico-hospitalar. Aos 87 anos, o autor de “Chega de Saudade” e outros títulos antológicos está com a saúde mental seriamente comprometida.
 

LATINIDADES
A América do Sul está presente em Campo Grande, tendo a arte e a gastronomia como seus principais traços de identificação com a brasilidade fronteiriça. Amanhã, mais uma agenda de lazer e entretenimento na Praça Bolívia, no Bairro Santa Fé. Danças, produtos típicos do artesanato nativo e a inevitável salteña, um dos atrativos mais procurados da culinária boliviana.
 

LATINIDADES (II)
Marlei Sigrist, a respiração em cultura, confirma animadíssima a realização do II Festival Sulamericano de Folclore (Fest Folk Sulam), de 3 a 5 de agosto, na Praça do Rádio Clube, das 18 às 22 horas. Além dos grupos artísticos locais, uma das atrações do evento deve ser o Ballet Folklorico Iberoamericano del Paraguay, de Assunción, dirigido pela dançarina Nancy Cristaldo Salinas. Ela e seu balé estão entre os mais aplaudidos e credenciados divulgadores da cultura latino-americana no mundo.
 

BALANÇADA
Corre entre operadores de Direito e juristas uma avaliação, segundo a qual, dos 11 votos da bancada de magistrados do STF, na sessão de quarta-feira, o que menos revelou convicção foi exatamente o da ministra Rosa Weber. Ela votou contra o habeas corpus a Lula, contrariando uma tendência delineada por votações e posições que vinha defendendo quanto à prisão após sentença de segunda instância e à soberania do princípio constitucional da presunção de inocência enquanto houver grau de recurso.
 

VAGA DE SARNEY
Sarney Filho disputará o Senado, deixando aberta a vaga que ocupava como ministro do Meio Ambiente. A bancada ruralista – sobretudo os porta-vozes de alguns dos principais desmatadores do País – pressiona o presidente Michel Temer para indicar o substituto de Sarney, a quem odeiam por ter, entre outras decisões, liberado o acesso público ao Cadastro Ambiental Rural (CAR). Com isso, qualquer pessoa pôde checar os imóveis rurais cadastrados no Brasil e conferir quem são os responsáveis pelos desmatamentos irregulares.
 

MÉRITOS
O vereador João Rocha (PSDB) teve total apoio do governador Reinaldo Azambuja para emplacar mais um mandato de dois anos na presidência da Câmara Municipal de Campo Grande. Disso, não há dúvida. Mas é certo, também, que Rocha soube conquistar o apoio dos colegas de diversos partidos, em razão da forma serena e responsável com que conduz o Legislativo. Numa Casa de 29 membros, não é nada fácil administrar na base do diálogo e apagando incêndios de tantas paixões e interesses conflitantes.
 

MULHERES FORA
Três das grandes mulheres que fizeram a diferença com seu protagonismo na vida pública guaicuru não querem saber de voltar à cena política e recusam, categoricamente, os convites de partidos e lideranças interessados em seu prestígio. São elas: a ex-vereadora Tereza Name e as ex-deputadas Marilu Guimarães e Marilene Coimbra. No entanto, há quem diga que uma delas pode não resistir, se o cavalo encilhado passar arriado por perto. Será?
 

NA LEMBRANÇA
O filósofo, economista e sociólogo utópico Charles Fourier nasceu em 7 de abril de 1772, em Besançon, França. Defensor da propriedade comunitária e escritor, ele morreu em Paris, aos 64 anos e deixou esta frase: "A matemática parece ser uma faculdade da mente humana destinada a suplementar a brevidade da vida e a imperfeição dos sentidos".