fernandosoares_28-09-2017

Edições anteriores

PRA CIMA
As deleções dos empresários do grupo J&F correm sério risco de ser anuladas parcial ou totalmente pelo STF. Um dos irmãos do grupo, Wesley Batista, cita o governador de MS, Reinaldo Azambuja, de receber dinheiro em espécie para conceder incentivos fiscais. Reinaldo nega e se mostra muito tranquilo sobre o assunto e apenas reclama das dificuldades para acessar documentos referentes à delação dos irmãos Batista, no STF. O governador está juntando documentos para fazer sua defesa em cima de todos os pontos elencados na denúncia de Wesley Batista e provar o quanto os empresários são mentirosos e canalhas.
 

URNAS
O pecuarista Cícero de Souza saiu do armário politicamente e anunciou sua filiação no PTB. Cícero, que já foi deputado estadual por 4 mandatos e encerrou sua carreira como conselheiro do Tribunal de Contas, deve retornar à política de olho numa vice-governadoria.
 

EM FESTA
Amanhã, em Figueirão, aniversário da cidade, acontece o lançamento do Projeto Carne de Zebu, com feiras de touros Pró-genética ABCZ e lançamento do programa Produzir Mais 2. No sábado, tem palestras com o senador Ronaldo Caiado, falando da Perspectiva do Agronegócio Brasileiro, seguido do Case de Sucesso na pecuária de corte, com palestras dos pecuaristas, Rubinho Catenacci, Adaldio Castilho, Thiago Corazza & Antonio Ricardo Sechis. À tarde, acontece um megaleilão de criadores de Figueirão e região, ofertando 20 touros, reprodutor nelore PO da melhor qualidade. No domingo, a festa se encerra com a tradicional festa do Cupim e da linguiça.
 

SIMPLES, ASSIM
Ivete Sangalo não para! Após anunciar a gravidez de gêmeos e que não vai participar do carnaval do ano que vem, a baiana lançou na terça-feira, de surpresa, seu novo single, intitulado Simples Assim. A música, que á uma baladinha romântica, dá sequência à faixa À Vontade, que ela gravou com Wesley Safadão e foi lançada em agosto. Para o último trimestre de 2017, ainda é esperado o lançamento da música que Ivete gravou recentemente com Livinho.
 

HABEAS MANDATUS
Denunciado por corrupção passiva e obstrução de Justiça, com base nas delações premiadas da empresa J&F, o senador Aécio Neves foi afastado pelo STF de exercer seu mandato, depois de uma gravação onde o senador surge pedindo nada menos que R$ 2 milhões ao empresário Joesley Batista, sob a justificativa de que precisava da quantia para pagar despesas com sua defesa na Lava-Jato. A defesa do senador Aécio Neves já se posiciona dizendo que irá recorrer da decisão, sob o argumento de que seja levado ao pleno da Corte, que a delação contra ele não é o suficiente par a tirá-lo de um cargo eletivo.
 

PARCERIA
O delegado aposentado Edgar Marcon, ex-superintendente da Polícia Federal de Mato Grosso do Sul, foi oficializado como o mais novo parceiro do escritório de advocacia Resina e Marcon - Advogados Associados. A experiência do delegado será de extrema importância nas atividades desenvolvidas pelo escritório, que tem como foco o direito civil, tributário, empresarial e agronegócio. Edgar não advogará nas causas criminais voltadas a traficantes.
 

VAMOS PAGAR?
A prefeitura de Campo Grande tem R$ 2.6 bilhões espalhados com contribuintes, esperando para receber. O prefeito Marquinhos Trad e o secretário de Finanças e Planejamento, Pedro Pedrossian Neto encaminharam à Câmara Municipal o novo Refis. Desta vez, ele está mais benéfico ao contribuinte do que no ano passado, porque traz descontos de 90% nos juros e na correção monetária, esse último, nunca antes atingindo nas propostas. No mesmo pacote tem ainda redução de 75% de descontos nas multas. Se for aprovado pela Câmara, será a grande oportunidade da população livrar-se das negativações do município feitas por protestos via cartórios.
 

GAIOLAS
Tem parlamentar reclamando de promessas não cumpridas e mobilizando colegas, com o objetivo de deflagrar rebelião, primeiro nos bastidores e depois, se necessário, botando o bloco na rua. "Bombeiro" chamado às pressas para serenar os ânimos considera natural o desconforto. E compara: é igual passarinho criado em casa que fica impaciente quando falta alpiste. Resta a curiosidade sobre o cenário desses pios. Afinal, tem parlamentos municipal, estadual e federal.
 

OBSERVADOR
Avaliação do antenado professor e economista Luiz Landes Pereira: a decisão do STF de afastar Aécio Neves (PSDB) do Senado é um revés para o presidente Michel Temer. E é também um up ao fortalecimento do senador Tasso Jereissati, presidente dos tucanos, rival de Aécio e defensor do rompimento do partido com o Planalto.
 

PANELEIROS
Vários corneteiros do “fora Dilma” e do “salve Aécio, guerreiro do povo brasileiro” não perdem a pose. À base de muito óleo de peroba continuam reverberando as desqualificações judiciais e políticas que afetam Lula e o PT, mas calam-se, olimpicamente, diante de fatos que deslustram personagens do bastião onde se alojam Aécio Neves e Michel Temer, entre outros.
 

ENCRUZILHADA
Reinaldo Azambuja ou André Puccinelli? Esta é a pergunta que o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad, anda evitando. Tem um bom repertório de frases escapistas para não se envolver e nem deixar pistas sobre quem apoiará em 2018 – talvez, até pense em não apoiar diretamente nenhum dos dois. Mas como bem frisou matéria de um site, publicada ontem: o prefeito sabe que, com o prestígio confirmado, será o fiel da balança na sucessão estadual. A conferir.
 

LOJA DE LOUÇAS
O vereador Vinícius Siqueira (DEM) parece estar adorando a repercussão – mais negativa que positiva – e algumas de suas posições, sobretudo quando as confronta com pessoas que se tornam desafetos. Foi o caso do entrevero verbal áspero e nada republicano trocado entre Siqueira e o ex-BBB Ilmar Fonseca, o Mamão. Maus exemplos dos dois lados. Não há qualquer necessidade de grosseria para defender e atacar conceitos e atitudes antagônicos.

 

Fotos: Gabriel Santos

O presidente da Santa Casa, Esacheu Nascimento, com o presidente da República, Michel Temer, quando entregava ontem em Brasília, a Medalha do Centenário da Santa Casa, maior instituição filantrópica dessa Capital

 

A advogada Paula Iung, Neca dos Santos Bumlai e Reni dos Santos

 

A médica veterinária Kamila Camargo e a mãe, pecuarista, Margareth Camargo

 

Os irmãos, Matusalém Sotolani atual corregedor geral da Polícia Civil e o delegado aposentado, José Luis Sotolani

 

Sônia Jorge e o marido, presidente da Adepol do Brasil, Carlos Eduardo Jorge

 

Irene Nunes da Cunha e a filha, empresária, Regina Caneppele

 

As delegadas de Polícia Civil, Franciele Candotti e Marília de Brito Martins