fernandosoares_02-06-2017

Edições anteriores

Fotos: Gabriel Santos

O pecuarista Joaquim Barbosa e a esposa, Alexandrina

 

O pecuarista Nelson Cintra e a esposa, Maria Lúcia Barbosa Cintra

 

Os empresários, Cínthia e Júnior Vieira, do Buffet La nos Jardins

 

Os médicos da Capital, Lívio Leite e a esposa, Andréa

 

Os médicos, Beth e Sérgio Furlani

 

O pecuarista Arão Antônio Morais e a esposa, Jussara

 

Divulgação

O novo recorde que acaba de ser quebrado no universo da moda é de cair o queixo. A bolsa mais cara do mundo foi vendida em leilão da Christie’s, em Hong Kong, na quarta-feira, pelo valor de USD 379,261 mil (cerca de R$ 1.228,39 milhão). A Birkin Himalaya da Hermès é feita de couro de crocodilo branco e foi produzida em 2014. Sua venda ultrapassou bastante o valor esperado pela casa de leilões, com lance mínimo de USD 193,4 mil e previsão de venda a USD 257,9 mil (R$ 835,9 mil). Uau!

 

XÔ, CORRUPÇÃO!
O juiz federal Odilon de Oliveira espera deixar a magistratura no final do ano. O juiz corre de conversa sobre política, enquanto persiste no cargo. Conhecido pelas decisões duras contra os traficantes de drogas, como Fernandinho Beira Mar, e pelo desmantelamento de quadrilhas, sempre foi frente de bandeiras contra a corrupção. Mas esta semana, até o presidente do PDT, Carlos Lupi, já considera como certa a candidatura do juiz federal Odilon de Oliveira ao governo de Mato Grosso do Sul. Tanto que, há duas semanas, o pré-candidato à presidência da República, Ciro Gomes (PDT), em sua passagem por Campo Grande, conversou sobre o projeto com o magistrado em sua residência e, a princípio, o assunto está sendo tratado apenas internamente.
 

IRRESPONSABILIDADE
Pela suspensão da Taxa da iluminação Pública por 6 meses, naquele projeto feito pelo derrotado vereador Edil Albuquerque, no ano passado, coube uma multa de 21 mil reais para cada um dos 16 parlamentares que votaram, no intuito de oferecer benefícios à população às vésperas das eleições. Na época que Bernal era o prefeito, mesmo mostrando aos vereadores que o projeto iria contra o interesse público, ele teve seu veto rejeitado pelos vereadores, e agora a prefeitura terá de cobrar os valores de forma retroativa, já que o Tribunal de Justiça reconheceu a legalidade da cobrança. Mesmo fora da prefeitura, Bernal vai encaminhar, como cidadão, um requerimento de providências ao Ministério Público, para que a população não seja responsabilizada pelo prejuízo de quase R$ 36 milhões que Campo Grande teve, e quer que a responsabilidade seja em cima dos ex-vereadores, Edil Albuquerque, Alex do PT e Coringa pelos atos insanos e irresponsáveis que tiveram.
 

UM PELO OUTRO
A média que cada morador do Bairro Carandá Bosque deve, pelos seis meses da Taxa de Iluminação pública que a prefeitura deixou de cobrar, por conta da Lei do ex-vereador Edil Albuquerque que suspendeu a cobrança, fica em torno de R$ 160.00.
 

CONFUSIONISMO
Desarrumou geral o cenário político brasileiro com a série de delações, operações de combate à corrupção e convulsões ao redor. Em Mato Grosso do Sul, os planos desenhados com o carimbo do “fato consumado” estão sendo refeitos, alguns de forma radical. O ex-governador André Puccinelli, por exemplo, depois da deduragem dos irmãos da JBS, já não figura entre as opções de ponta na sucessão estadual de 2018. O governador Reinaldo Azambuja, alvo mais recente das delações, pode estar entrando no mesmo barco.
 

AVANÇANDO
O prefeito Marquinhos Trad já comemora cinco meses à frente da Prefeitura de Campo Grande. Assumiu o município com uma dívida de restos a pagar de R$ 363 milhões, dos quais, R$ 183 milhões já foram pagos. A meta de Marquinhos é até o final do ano zerar a divida com fornecedores.
 

EM CASA...
As contas da administração do segundo ano de gestão do governo de Reinaldo Azambuja foram aprovadas por unanimidade pelos conselheiros do Tribunal de Contas do Estado. A relatora era a conselheira Marisa Serrano, que nada de ilegal encontrou. Apenas fez 8 ressalvas na áreas de educação, previdência, ciência e tecnologia, alegando que com a queda na receita, os porcentuais destinados foram menores que em anos anteriores, alertando o governo no dever de investir como determina a Lei.
 

FICHA LIMPA
O deputado estadual Paulo Corrêa foi escolhido para ser o presidente da Comissão Especial para apurar denúncia de eventual crime de responsabilidade do governador do Estado. Comemora, porque, além de pecuarista, é o único deputado estadual a integrar a Comissão que não foi citado nas delações da JBS.
 

PAIS E FILHOS
O deputado estadual Pedro Kemp (PT) foi atacado de forma desrespeitosa e grosseira quando tentava expor seus pontos de vista acerca da proposta do procurador de Justiça, Sérgio Harfouche, que define práticas disciplinares e corretivas a alunos das escolas públicas. Uma claque de defensores de Harfouche, com adesivos de apoio às suas teses, vaiou e atacou verbalmente o parlamentar. Foi um show de má educação e de maus exemplos de pessoas que se mobilizaram justamente para valorizar o contrário dessas atitudes, que é garantir boa educação e boas práticas aos seus filhos.
 

PAIS E FILHOS II
O deputado Pedro Kemp também se irritou, saiu das tamancas e bateu-boca com algumas manifestantes mais exaltadas que o ofendiam, chamando-o de cristofóbico. O motivo: Kemp reprovou a atitude de Sérgio Harfouche em Dourados, quando, sob pena de pesadas multas aos ausentes, chamou pais e responsáveis a uma reunião para discutir seu projeto. Em dado momento, na reunião sobre práticas escolares e disciplina, fez pregações ritualizadas em sua vertente religiosa (é pastor evangélico).
 

PAIS E FILHOS III
A tese da psicocinta – como está sendo batizado o antigo método da correção caseira de cintadas e, até, as palmatórias nas escolas – tem defensores e praticantes de renome, entre os quais o próprio Sérgio Harfouche, que já foi promotor da Infância e Juventude. Em Dourados, e faz uns 15 anos, bem antes da era Harfouche, um membro do MP reuniu pais de alunos de escolas locais e disse, entre outras coisas, que o castigo doméstico é parte do processo de educação doméstica. Nos dias seguintes, vários alunos teriam aparecido com sinais de castigos físicos... e os fins não justificaram os meios.
 

FASHION POLÊMICO
Semelhante a um robe, o modelito da jornalista Renata Vasconcellos, uma das âncoras mais badaladas do telejornalismo global, causou o maior frisson nas redes sociais. Mas não é novidade alguma. O lugar-comum das roupas comportadas e de estilos sóbrios está perdendo espaço no guarda-roupa das celebridades. A louríssima Renata Fan, apresentadora do Band Sport, é outra que começa a sair daquele estilo clássico e já vem inovando no design de suas roupas.
 

À LA VONTÊ
Carne vermelha, peixe e frango, acompanhados por uma variedade de outras opções vêm lotando a Avenida Hiroshima, no novo Restaurante Gaucho Gastão, dos empresários Northon Capelari e Dori Frandoloso! O restaurante é uma extensão melhorada do já fundando pelo pai de Dori, o empresário Gastão. No restaurante da Hiroshima, eles lançaram uma novidade gastronômica na cidade. Quem pretende degustar as carnes da casa, poderá curtir um almoço executivo com rodízio por kilo, além da tradicional costela assada. Os pratos custam de R$ 43,90 para se alimentar à vontade, ou R$ 54,00 por kilo.