fernandosoares_01-06-2017

Edições anteriores

MAIS FLASHES DA FESTA DA ABREC-MS

 

 

Fotos: Gabriel Santos

Os empresários, Waltinho e Arlete Adames

 

Os médicos, Carolina e Marco Antônio Cazolatto

 

Rovena e o procurador do Estado, Rafael Coldibelli

 

Os quase médicos, Alexandre Adames e Laila Costa

 

Os médicos, Carla e Armando Almeida

 

Os médicos, Heda e José Roberto Paquera

 

Regina e o consultor político Sebastião Almeida

 

Senir e o marido, Toninho Canale

 

 

 

SITUAÇÃO
Com faturamento de mais de 800 mil reais por dia, as obras de duplicação da BR-163 precisam continuar. Em três anos à frente da empreitada, a empresa CCR MS Vias duplicou, até agora, apenas 138 dos 806 quilômetros da rodovia. A concessionária alega que o fluxo de veículos caiu e que não conseguiu os empréstimos necessários para continuar as obras. O deputado federal Dagoberto Nogueira cobra uma solução do DNIT e da ANTT, em razão do inconformismo da população, já que, em três meses, dois terços dos trabalhadores foram demitidos e as obras paralisadas.
 

PROTESTO
A situação política do País continua complicada. O final da manhã de terça-feira foi marcado por um protesto na governadoria, onde professores cruzaram os braços em protesto pelo não cumprimento do reajuste de 7,64% do Piso Salarial Nacional dos professores. A paralisação atingiu 362 escolas estaduais e mais de 25 mil trabalhadores da educação. Na Marcha no Parque dos Poderes, 5 mil professores aguardam uma posição do Governo para que avance nas propostas.
 

ADEUS
O empresário Belarmino Fernandez Iglesias, do grupo Rubaiyat, nos deixou na terça-feira, aos 85 anos. Pecuarista em Dourados, era daqui que a carne servida em sua três casas em São Paulo era suprida. Foi vítima de insuficiência de múltiplos órgãos. O velório aconteceu ontem, no Hospital Albert Einstein, e hoje, o corpo segue para ser sepultado em Rosende, na Espanha, sua cidade natal. Deixa os filhos, Belarmino Filho, Luiz Fernando e José Carlos, três noras e sete netos.
 

TIRO NO PÉ
A tentativa do empresário José Berguer, da área de curtume em Mato Grosso do Sul, de envolver o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) em um esquema de propinas e favorecimentos ilícitos, pode estar morrendo no nascedouro. Um componente decisivo que incita a sociedade a comparar a ficha corrida dos dois principais protagonistas desse episódio que ganhou as manchetes da imprensa, após uma reportagem do “Fantástico” no domingo, mostra agora que as palavras e ações do empresário são contraditadas no fichário que possui, eivado de suspeições, especialmente a prática da sonegação e conhecidos artifícios para driblar a vigilância fiscal, como o uso de notas fiscais frias ou tomadas por empréstimo de outras empresas para a operação criminosa de lucrativos registros contábeis.
 

RECADO
Não convidem para qualquer roda de afinidades os jornalistas Bosco Martins, diretor da Rádio e TV Educativa, e o blogueiro Dante Filho, da assessoria de imprensa do prefeito Marquinhos Trad. No ar, um enredo que para Bosco Martins é fofoca e para Dante Filho é fato: a disseminação de versão envolvendo a vereadora Mirela Rigotti e o governador Reinaldo Azambuja, ambos do PSDB. Ela é esposa de José Berguer, o empresário que apareceu no “Fantástico”, em vídeo entregando dinheiro de propina a uma pessoa que afirma ter sido enviada pelo governador. Segundo Dante, a fofoca teria sido espalhada por Bosco, que reagiu assim nas mídias sociais: “O boa noite de hoje não vai para os coleguinhas da turma da inveja e da baixaria! Vou continuar ignorando esse substantivo feminino e de discurso que denota grosseria, falta de respeito, crueldade com as pessoas”.

 

ESCUDEIROS
O deputado federal Carlos Marun (PMDB-MS) está conseguindo o que deseja: o máximo de visibilidade midiática para construir a projeção com que pretende habilitar-se à indicação do partido para concorrer à sucessão estadual em 2018. Acha que já está decretado o vácuo, com o ex-governador André Puccinelli e a senadora Simone Tebet fora do páreo. E na sua marcha, apesar dos torpedos com que vem sendo alvejado, não deixa de lograr dois pontos importantes: a coragem de defender o que muitos consideram indefensável e o time barulhento de brigadistas políticos e afetivos que exaltam seu protagonismo.

 

É SÉRIO
Casal de destaque nas rodas sociais e políticas anda se estranhando em publico, ultimamente. Ele, aliás, surpreendido pelo descontrole dela em recente evento, quando por pouco não aconteceu entrevero físico. Cláusula diferenciada em sociedade com terceiros põe os briguentos em estado de alerta – uma separação agora representaria a perda de um respeitável “pacote” em contratos com órgãos públicos.
 

NO ROSTO
Considerado a megatendência na cor das bocas elegantes deste outono-inverno, o marrom vem a ser uma redescoberta provocada por estilistas contemporâneos, que propõem um tom sóbrio, mas altivo, nos visuais descolados. A antenadíssima e reluzente Mariana Saad foi uma das primeiras a aderir e desfilar com seu sorriso marrom de felicidade.

 

FENÔMENO
Manu Gavassi é um dos nomes da vez. Aos 24 anos de idade, a jovem – um misto de cantora, atriz, youtuber e blogueira – já é foco de 11 milhões de seguidores (quatro milhões só no Instagram) e as visualizações em seu canal passam dos 70 milhões.
 

A MIL POR HORA
Não é forçar a barra e nem bajular, mas impossível deixar de registrar o fôlego e o espaço que o mandato do senador Pedro Chaves vem demonstrando ter, com sobras. Ele acaba de ter aprovado pela Comissão de Infraestrutura do Senado o pedido de audiência pública, que debaterá a paralisação das obras de duplicação da BR-163. E o resultado será ainda melhor nos próximos dias, quando for determinado o reinicio das obras.
 

PARADINHA HOT
A cantora Anitta lançou, ontem, seu mais novo clipe: Paradinha! O que promete ser mais um sucesso na carreira da cantora já rende alguns comentários positivos também no shape da carioca. Anitta exibe com orgulho nas gravações uma barriga digna de inveja. Para o feito, passou 40 dias acompanhada full-time pela li fe coach Mayra Cardi, ex-BBB de 2009.
 

MISTÉRIO
Clima de mistério tomou conta da internet no início da manhã de ontem. Morto em 1983, o atleta Mané Garrincha foi enterrado no Cemitério de Raiz da Serra, na cidade de Magé, na Baixada Fluminense, no Rio de Janeiro. No entanto, os restos mortais do "Craque das Pernas Tortas" não estão mais no local, segundo o jornal O Globo. "Pelo que a gente pesquisou, não há a certeza de que ele está enterrado. Temos a informação de que o corpo foi exumado e levado para um nicho ( gaveta no cemitério), mas não há documento que comprove isso", afirmou a atual administradora do cemitério, Priscila Libério, à reportagem do jornal. O prefeito de Magé, Rafael Tubarão, se colocou à disposição da família para buscar os restos de Garrincha no cemitério. "Se a família concordar, faço exumação nas sepulturas. E um teste de DNA para saber se algum corpo é o de Garrincha", afirmou.